quinta-feira, 22 de março de 2012

SIGO CAMINHANDO

            E neste vazio que me encontro
      As palavras já não chegam
     Só o silêncio me faz companhia
   Apenas a solidão
    Estende-me a mão!
   Nada vejo ao redor
  Nada me cativa
    Lentamente espero o tempo passar
      Contando as horas, minutos, segundos...
 E ele teima em ser vagaroso
     Em me machucar...
  E após a pausa necessária irei
 Levantar.
   E recomeçar por novo caminho traçado
     Em meio a dor.
   Andar por ele
Na certeza
Que valeu a pena!
                             SOL.Sunshine

Nenhum comentário: