sexta-feira, 19 de outubro de 2012

NÁUFRAGO

Agarro-me a essa taboa que um dia chamei de barco,
Este que me levou a navegar pelos mares da existência.
Momentos de bonança, alegrias, contentamentos e satisfações.
E momentos de tempestades, medos, sofrimentos e angustias.
Hoje tudo que restou foi esse pequeno pedaço de madeira
 que me agarro com afinco para não submergir
 na solidão deste imenso oceano da vida.

SOL.Sunshine

Nenhum comentário: