quarta-feira, 28 de maio de 2014

NO CÉU DA TUA BOCA!


Descubro-me entre os lençóis e minha pele eriçada busca o calor das tuas carícias
Tuas mãos quentes deslizam como que moldando meu corpo desnudo
Lá fora a noite cai silenciosa e fria.

Aqui, aquecemos, sentimos, amamos...

Tomas-me e sinto uma de tuas mãos como pente em meus cabelos,
Enquanto a outra mergulha entre minhas coxas roubando-me suspiros, me levando a devaneios.

Sou tão pequena em teus braços
Esvaneço em teus abraços
Cobre-me com teu corpo como cobertor...
Bebo de ti como vinho
Sinto teu sabor, teu calor...

Tua língua conhece meu gosto
Tua boca suga-me sedenta
Em teus beijos perco o fôlego
Desmaio
Deliro
Desfaleço
Enlouqueço de amor!

Enquanto lá fora a noite gélida
Espalha a neblina e esconde a lua
Aqui, tenho todas as estrelas,
E toco uma a uma...
No céu da tua boca!

SOL.Sunshine


Nenhum comentário: